Buscar
0

Livros


Filtros

Filtros

R$49,90
Comprar
DA SOLIDAO
Vários autores
Quixote

0 avaliações

A solidão é um assunto que é concretamente presente na vida, mas, ao mesmo tempo, fugidio e inacessível. No livro Da solidão, organizado por Ana Maria Portugal, Gilda Vaz Rodrigues e Maria Auxiliadora Bahia, dez autores escrevem sobre o tema da solidão tendo a psicanálise como norte. Como enfatiza Ana Portugal, a partir da própria etimologia da solidão, trata-se do surgimento do “todo um”, do seule, do único que nos remete ao mundo dos que podem ser contados um a um, sem o conjunto ou quaisquer grupamentos identitários que nos proteja do infinito das possibilidades. A solidão passa a ser uma conquista a partir da qual algo pode ser inventado. Solidão necessária para aquele que escreve, solidão fundamental parao que exerce a tarefa do psicanalista, solidão apenas suficiente – às vezes intolerável ou então denegada – que acompanha o dia a dia da cada um, no contato com o mundo e com o outro em geral. Os autores que aqui escreveram não apenas privilegiaram aspectos teóricos, mas recorreram a poetas e escritores para se inspirarem a adotar uma maneira de dizer o impossível de ser dito. Foram assaltados pela escrita para suportar o insuportável, para criar mundos possíveis de serem vividos, a partir de uma nova inscrição da letra, aumentando as chances de convocar outros leitores.

  • Seção
    Ensaios/Humanidades
  • Ano de edição
    2018
  • Páginas
    105
  • Encadernação
    BROCHURA
  • ISBN
    9788566256369
  • Peso
    150 gr
  • Palavras-chave
    Antologia, Psicanálise, Psicologia

Descrição

A solidão é um assunto que é concretamente presente na vida, mas, ao mesmo tempo, fugidio e inacessível. No livro Da solidão, organizado por Ana Maria Portugal, Gilda Vaz Rodrigues e Maria Auxiliadora Bahia, dez autores escrevem sobre o tema da solidão tendo a psicanálise como norte. Como enfatiza Ana Portugal, a partir da própria etimologia da solidão, trata-se do surgimento do “todo um”, do seule, do único que nos remete ao mundo dos que podem ser contados um a um, sem o conjunto ou quaisquer grupamentos identitários que nos proteja do infinito das possibilidades. A solidão passa a ser uma conquista a partir da qual algo pode ser inventado. Solidão necessária para aquele que escreve, solidão fundamental parao que exerce a tarefa do psicanalista, solidão apenas suficiente – às vezes intolerável ou então denegada – que acompanha o dia a dia da cada um, no contato com o mundo e com o outro em geral. Os autores que aqui escreveram não apenas privilegiaram aspectos teóricos, mas recorreram a poetas e escritores para se inspirarem a adotar uma maneira de dizer o impossível de ser dito. Foram assaltados pela escrita para suportar o insuportável, para criar mundos possíveis de serem vividos, a partir de uma nova inscrição da letra, aumentando as chances de convocar outros leitores.

Informação adicional

Peso 0.15 kg
Dimensões 15 × 21 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “DA SOLIDAO”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outros livros de Vários autores